24 horas em Curitiba

passeio de um dia em curitiba

24 horas em Curitiba

Curitiba significa boa comida, parques lindos e museus interessantes e merece mais do que 24h, porém, se você tiver apenas um dia para aproveitar a capital paranaense, recomendamos o seguinte roteiro:

Café da manhã no Mercado Municipal
Esse é o melhor lugar para você entender a influência que os imigrantes italianos, alemães e ucranianos têm sobre a cultura e gastronomia local. Além de tomar um cafezinho ou suco natural acompanhado de panquecas, bolos e o que mais  quiser da praça de alimentação, é possível comprar ingredientes locais, como a famosa farinha de mandioca de Morretes, e muitos produtos orgânicos.

Tour com o ônibus da Linha Turismo
Sabe aqueles city tours feitos em ônibus com o segundo andar aberto, tão comuns na Europa? Essa linha segue o mesmo conceito e passa, em viagens de duas horas e meia, pelos principais cartões postais da cidade, como o Teatro Guaíra e o Jardim Botânico. Ah! E tem um ponto do ladinho do Mercado Municipal. Uma boa forma de selecionar onde você quer descer é fazer o circuito completo antes de decidir. Ou então, dar uma olhadinha no site da empresa que faz o passeio. Mas não se esqueça que os ônibus passam só de meia em meia hora.

Almoço em Santa Felicidade
Dá para achegar com o ônibus da Linha Turismo e se deliciar com as massas produzidas artesanalmente. Se você estiver com muita fome, pode se aventurar pelo rodízio italiano do Madalosso, um dos restaurantes com o maior salão do mundo, onde cabem até cinco mil pessoas. Se preferir um lugar mais aconchegante, a Famiglia Fadanelli é uma excelente opção, com pratos a la carte e  uma boa carta de vinhos, com mais de 500 rótulos. Porém, o restaurante só abre para o almoço aos fins de semana.

Visita ao Museu Oscar Niemeyer
Popularmente conhecido como Museu do Olho, por conta de seu formato, o espaço recebe boas exposições e tem obras de arte contemporânea no térreo. O museu fica na frente do Bosque do Papa, que foi inaugurado logo após a visita de João Paulo II, em 1980, e abriga mais de 300 araucárias, árvore típica da região, além do Memorial da Imigração Polonesa, que conta  um pouquinho como era a vida dos primeiros poloneses que chegaram à Curitiba, em 1871.

Pôr do sol no Jardim Botânico
Sabe aquela estufa linda, em estilo art nouveau, que você vê na maioria dos cartões postais da cidade? Então, fica ainda mais bonita ao entardecer. Mas não pense que é só de “enfeite”, ela abriga várias espécies de plantas da mata atlântica.

Jantar no Durski
Prepare-se para se apaixonar pela culinária do leste europeu. E também para desembolsar um pouco mais de dinheiro pela refeição que, nós garantimos, será inesquecível. A começar pela decoração do restaurante, que conta com lustres belgas e móveis no estilo Luís XV, seguindo pela carta de vinhos com mais de duas mil opções de 23 países, e terminando no maravilhoso cardápio, que vai muito além do popular strogonoff.

Gostou? Tem outras sugestões? Comente! :)

Post A Reply