A badalada Búzios, como aproveitar no verão?

Armação dos Búzios é a cidade perfeita para quem quer curtir um verão agitado e cheio de emoção. Mesmo sendo pequena, com uma população média de 30 mil habitantes, a cidade recebe muitos turistas durante alta temporada, entre o Natal e o Carnaval, e oferece diversas atrações diurnas e noturnas.

Da origem simples, como uma pequena vila de pescadores, hoje Búzios é o refúgio da alta sociedade fluminense, atraindo gente de diversas regiões do Brasil e do mundo. É conhecida como a “Torre de Babel” já que é comum ouvir-se diversos idiomas ao longo da sua orla.

No post de hoje trouxemos 5 dicas de atividades para você curtir um final de semana na região. Quem sabe você curta tanto a estadia que acaba resolvendo comprar uma casa em Búzios.

1) Andar de Buggy pela cidade

Flickr

Se você gosta de grandes aventuras, ao chegar na cidade, a primeira coisa que deve fazer é marcar um horário para um passeio de Buggy. Nele cabem três pessoas e o bugueiro (motorista), sendo um no banco da carona e dois atrás. Existem diversos trajetos que os bugueiros costumam percorrer, sendo o passeio pela Orla Bardot, as praias e dois mirantes o mais comum. O custo varia de 60 a 70 reais.

A satisfação com o passeio dependerá em grande parte da simpatia e disposição do bugueiro, porém, vá carregado de energia e na companhia de amigos animados. Se o bugueiro for guia, o tour será melhor ainda, contando com várias explicações e paradas em pontos estratégicos. Quem já conhece a cidade há mais tempo e possui carteira de habilitação, pode se divertir mais alugando um buggy para sair com a galera.

2) Curtir a Praia do Geribá

Flickr

A praia mais badalada de Búzios precisa estar no seu roteiro de turismo! É no Geribá que se encontra a galera jovem, os surfistas e atletas da cidade. No verão, as faixas de areia e a orla ficam cheias de redes de volêi e os quiosques e vendedores ambulantes multiplicam-se. Mas tome cuidado com o mar, que apesar de belo, é agitado. Quem prefere sossego deve ir em direção a praia vizinha, da Ferradurinha.

No final da tar, reúna o pessoal para se encontrar na casa de shows e bar Fishbone. Durante a temporada, diversos DJs famosos se apresentam no local como parte de suas turnês. Os shows geralmente acontecem no modelo sunset, começando às 15h da tarde e estendo-se até a noite. É a pedida certa para quem gosta de badalação e quer curtir os pés na areia e no mar.

3) Tirar Selfies no Ponto da Lagoinha

Flickr

Entre as praias da Foca e da Ferradura, existe uma pequena trilha na qual você poderá encontrar a Ponta da Lagoinha. Como costuma ficar escondida entre as pedras, o local é super tranquilo até mesmo durante a alta temporada. Lá você encontrará um refúgio perfeito para uma boa meditação e ótimas selfies.

Sua formação rochosa é composta por pedras lisas que simulam escarpas e formam belas piscinas naturais com águas cristalinas, rodeadas de uma vegetação nativa com cactos de cabeça branca. Olhando em direção ao mar, também é possível admirar a praia do Forno e as ilhas Âncora, Gravatás e Ilhotes.

Antes de ir até a Ponta da Lagoinha, certifique-se que a maré esteja baixa, senão, ficará mais difícil de apreciar o cenário. Cuide também com ouriços presos às pedras e ondas fortes. Prefira ir até lá acompanhado e evite mergulhar.

4) Fazer compras na Rua das Pedras

Flickr

No centro da cidade, à margem da Praia da Armação, você encontrará a rua mais agitada de Búzios. Repleta de restaurantes, galerias de arte, sorveterias e cafés, é lá que se encontra o que há de melhor em Búzios. Há também lojas de grife de artistas locais e estilistas internacionalmente famosos.

A Rua das Pedras em si é curta, com apenas 600 metros de distância destinados exclusivamente à circulação de pedestres, entretanto engloba vários quarteirões com diversas opções de entretenimento. As opções atendem todos os gostos e bolsos.

Na região também encontram-se diversas opções de hotéis, hostels e as melhores casas para alugar em Búzios. O local é privilegiado não apenas pelo comércio mas pela proximidade com a Orla Bardot, ponto de partida de barcos e escunas que realizam passeios pela cidade.

5) Curtir as Baladas da Orla Bardot

Flickr

A bucólica Orla Bardot, marcada pela presença dos coloridos barquinhos de pesca e da famosa escultura de bronze da atriz francesa Brigitte Bardot, que levou a cidade ao foco da mídia internacional nos anos 60, muda de estado quando a noite cai e a iluminação amarelada toma conta. O agito da cidade começa mesmo depois da uma da manhã, quando os jovens, gringos e casais sobem e descem ao longo da orla em busca dos mais diversos bares e baladas. Shows ao vivo, surf music, música eletrônica, bistrôs ao som de blues, jazz e MPB…As opções variam de acordo com o gosto eclético do público que frequenta a região.

Quem quer curtir uma boa casa noturna, ao som de baladas eletrônicas até o amanhecer, precisa conhecer o Privilège, que fica na Orla, de frente para o mar. Inaugurada em 2003, a casa já reuniu atrações nacionais e internacionais como Steve Angello, Carl Cox, Sven Vath, Deep Dish, Mauro Picotto e Nando Reis. São seis ambientes, duas pistas de dança, lounge, dois níveis de camarotes, quatro bares, pizzaria, sushi e cozinha internacional. Tudo para atender o público diferenciado que frequenta o local. Hoje, a casa é conhecida como um dos maiores clubs do Brasil.

 

Post A Reply