Saiba o que vale a pena comprar no Paraguai e planeje sua viagem

Ponte da Amizade para comprar no Paraguai

Foi-se o tempo em que o Paraguai era o paraíso das compras para os brasileiros. Hoje em dia, nosso país vizinho enfrenta a concorrência das viagens aos Estados Unidos e dos sites chineses, que ganham em preferência e facilidade. Se você pretende se aventurar no comércio do outro lado da Ponte da Amizade, deve ter uma lista com o que vale a pena comprar no Paraguai.

Compras no Paraguai

Apesar de ter diminuído sua popularidade entre os brasileiros, o vizinho ainda pode ser considerado como opção para quem quer comprar gastando menos. A dica é estar preparado para comprar em solo paraguaio o que realmente vale a pena.

Além disso, é preciso ter cuidado com as falsificações para não levar gato por lebre e estar atento ainda ao limite de gastos para não pagar o Imposto de Importação sobre o Valor do Produto (50% sobre o que exceder a cota).

Ao comprar nas ruas, é preciso redobrar atenção com a qualidade dos produtos. Foto: iStock, Getty Images

O que vale a pena comprar no Paraguai?

Com a queda do limite de gastos com isenção de imposto para US$ 150, o consumidor precisa ficar atento para saber o que vale a pena comprar no Paraguai. Como o Imposto de Importação sobre o Valor do Produto é alto (metade do custo da compra), adquirir itens mais caros, como eletrônicos, por exemplo, perdeu um pouco de apelo.

Artigos de uso pessoal, como cosméticos, perfumes, roupas e calçados, não entram nessa cota de US$ 150, desde que não ultrapassem um limite que caracterize comércio.

Assim, vale a pena comprar no Paraguai artigos como camisas, vestidos, calças, peças íntimas, tênis e sapatos que possuem preços mais em conta do que em lojas similares no Brasil.

Uma opção frequente é comprar os itens nas lojas dos shoppings, por serem consideradas mais confiáveis. Caso prefira comprá-los nas lojas de rua, é preciso redobrar a atenção em relação à qualidade dos produtos.

Não adianta nada comprar produtos mais baratos se eles não terão durabilidade. Evite comprar em camelôs e em lojas duvidosas. Fique atento também a grandes ofertas e sempre teste os produtos antes de comprar.

Ponte da Amizade para comprar no Paraguai

Ponte da Amizade para comprar no Paraguai. Foto: iStock

Diariamente, brasileiros atravessam a Ponte da Amizade para comprar no Paraguai. Foto: iStock, Getty Images

Atenção ao limite de gastos

Outros itens que podem valer a pena comprar no Paraguai são bebidas e brinquedos, também com preços mais baratos do que os praticados no Brasil. Esses itens, no entanto, entram na cota limite de gastos imposta pela Receita Federal, assim como os eletrônicos.

Com a alta do dólar, a compra de produtos eletrônicos deixou de ser tão atrativa quanto antes, ainda mais com a redução do limites de gastos.

Mesmo assim, comprar celulares, tablets, notebooks, máquinas fotográficas e itens de informática pode render economia ao consumidor em relação aos preços cobrados no Brasil.

Uma dica: celulares e máquinas fotográficas são isentos de imposto caso os itens sejam utilizados durante a viagem, respeitando o limite de uma unidade para cada pessoa. Um cuidado redobrado é em relação aos produtos falsificados.

No caso de produtos taxados, o valor que exceder US$ 150 deve ser declarado à Receita Federal, na aduana brasileira. A pessoa que tentar passar pela alfândega sem declarar os produtos e estiver acima da cota corre o risco de perder toda a compra.

 

E para você, o que vale a pena comprar no Paraguai? Comente!

Post A Reply